4-0-3
 
 
Página Inicial  

Pesquisar pelo Site:

Oriente-se
Empresas
Imóveis
Turismo
 
 



 

Com greve dos caminhoneiros, atividade econômica recua 3,34% em maio


A atividade econômica recuou em maio. O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), dessazonalizado (ajustado para o período), apresentou queda de 3,34%, na comparação com abril. O recuo veio após crescimento de 0,5%, em abril comparado a março, de acordo com dados revisados.

Em maio, o país foi afetado pela crise de desabastecimento gerada pela greve dos caminhoneiros no final do mês.Na comparação com o mesmo mês de 2017 (sem ajuste para o período), houve queda de 2,9%. No ano, foi registrado crescimento de 0,73%. Em 12 meses, a expansão chegou a 1,13%.

O IBC-Br é uma forma de avaliar a evolução da atividade econômica brasileira e ajuda o BC a tomar suas decisões sobre a taxa básica de juros, a Selic.

O índice incorpora informações sobre o nível de atividade dos três setores da economia: indústria, comércio e serviços e agropecuária, além do volume de impostos.

O indicador foi criado pelo BC para tentar antecipar, por aproximação, a evolução da atividade econômica. Mas o indicador oficial é o Produto Interno Bruto (PIB – a soma de todas as riquezas produzidas no país), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Para instituições financeiras consultadas pelo BC, o PIB deve crescer 1,5%, neste ano.

Kelly Oliveira
da Agência Brasil

16.07.18 11:23

Outras Notícias:  
18.01.19 20:19 Brasil é 5º país em ranking de uso diário de ...
18.01.19 20:11 Confiança do Consumidor avança 12% em 2018
18.01.19 10:31 Com dívidas, Mato Grosso vai decretar calamidade financeira
18.01.19 10:26 Opositores pedem que Brasil adote sanções con...
17.01.19 19:42 Fux suspende investigação sobre movimentações de Queiroz
17.01.19 10:38 Bolsonaro defende Mercosul enxuto e com relevância
17.01.19 10:21 Atividade econômica cresce 1,38% em 11 meses de 2018
16.01.19 09:54 Comércio varejista cresce 2,9% de outubro par...
15.01.19 12:21 Ipea vê inflação em dobro para classe de baixa renda
14.01.19 09:11 Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
 
Anterior [1/1118] Próximo
Copyright © Vida Econômica - É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Power by Sistema agencianaweb.com.br